Merkaba

Quando o grupo ainda se preparava para a ativação da Pedra Oca foi passada a informação de que teriam que ser colocados 21 cristais em torno da pedra da gávea antes de subirmos nela, onde ficariam estes cristais? Porque era necessário isso? Nenhuma informação tinha sido dada ainda. Nos reunimos então na base da Pedra da Gávea para uma reunião, onde meditamos e cada membro do grupo teve uma visão, colocamos o primeiro cristal naquele ponto e voltamos para nossas casas. Uma parte do grupo se preparava para viajar ao Acre onde haveria um encontro da família Arco-íris no Brasil e precísamos informar do trabalho que estava sendo feito no Rio de Janeiro para que todos se conectassem em meditação no momento da ativação. Uma parte do grupo foi para a floresta e as mensagens foram chegando aqui.

 

Descobriu-se então que deveria se formar um Merkaba em torno da Pedra da Gávea onde o topo da pedra seria o ponto central. Todos os 12 pontos do Merkaba foram marcados apartir daquele primeiro ponto, com medições precisas de longitude, em distâncias sincrônicas desenhou-se em um mapa e fomos em busca dos 12 pontos. Os cristais foram colocados em dias diferentes, dentro de condomínios, matas fechadas e até dentro do mar. No entanto, restavam ainda 9 cristais, que segundo informações canalizadas seriam os portais que davam acesso a cidade etérea de Mágave, quando esta ainda estava ativa. Estes portais são as ilhas que se encontram próximo ao maciço da Pedra Oca. Durante mais de um mês, em um grupo pequeno, com muita meditação e momentos intensos, sonhos, revelações, sinais diversos e um processo de profunda limpeza psiquíca e emocional fomos descobrindo ponto por ponto e colocando os cristais. Até que no último dia foram colocados em alto mar, os dois últimos pontos do Merkabah e um cristal em cada uma das 9 ilhas que formam os portais, que são os portais. Cada um destes cristais estava programado para potencializar sua energia por mil no momento da canalização, desta forma ele potencializaria o trabalho no momento que estívessemos em meditação e selaria esta energia em nosso plano. E assim foi.

 

Depoimento de Nanda da Paz sobre este dia:

 

 

"Amados Guerreiros do Arco-Íris,Terminamos o Merkabah da Pedra da Gávea. Os últimos dois pontos estavam no mar. Na hora que colocamos o último cristal no mar, 12 cristais vibraram, ativando todo o Merkabah. Cantamos, emanamos os sons e conectamos todos ao círculo Arco-íris. A Pedra da Gávea já ativou, agora ela nos espera para a grande celebração...

 

As 9 ilhas, que são os Portais do Rio de Janeiro de Luz, são maravilhosas. A frequência lá realmente é mais elevada. Colocamos um cristal em cada uma delas. Foi encantador,e como sempre, precisamos viver momentos de adrenalina;

no inicio o mar estava um tapete e sem vento, logo que terminamos a quinta ilha começou o vento muito forte, e as ondas cresceram muito rápido. Aiiiiiiii... medinho rolou! Balançávamos de um lado para o outro na lancha, as ondas entravam no barco, e ficamos encharcados. Percebemos que era necessário movimentar nossos elétrons para a Ativação acontecer, e realmente movimentamos....hihihihi Voltando do alto mar para a costa, o Mar estava todo prateado. Lindo demais!

Estávamos com vocês todos no coração, o sentimento de gratidão invadiu e a emoção foi muito forte. Muita alegria, alegria e alegria... GRATIDÂO Guerreiros do Arco-Íris, a Nova Terra esta chegando por que vocês existem aqui agora. GRATIDÂO!!"

 

Após a ativação do Merkivah o grupo se preparava então para subir a Pedra da Gávea. Sobre estes momentos o irmão João Sampaio que participou intensamente deste processo escreveu para o grupo:

 

"São milhares de anos de preparação para este momento, um trabalho que estamos realizando juntos e que agora chega ao ponto crucial, onde estaremos terminando um caminho que nos custou tantas existências e que assumimos o compromisso de terminar, pagando o preço que fosse, como um que somos.

 

Chegamos até aqui muito diferentes do que éramos quando começamos esta caminhada. Todo este percurso serviu para ativar, não só os templos sagrados do Rio de Janeiro, mas os nossos próprios templos, nossas memórias, nosso compromisso, nossa missão. Tenho certeza que todos aqui passaram por profundas transformações em um espaço de tempo muito pequeno e isso se deve, principalmente, à importância e a urgência de que tudo seja feito e terminado.

 

Temos recebido canalizações diversas, que insistem em dizer que nós precisamos focar no propósito, parar de colocar as nossas mentes e confiar que tudo já está feito. Precisamos somente ir com os nossos corações, com a certeza de que, onde estivermos, eles estarão conosco e lá será o lugar onde deveríamos estar.

 

Portanto, Guerreiros do Arco-iris, chegou a hora, este é o momento de nos levantarmos, cumprindo os preditos de milênios, trazendo à realidade 3D o que há muito já se manifesta nas dimensões superiores. Esta é a hora, somos um! "

 

Mas o que é Merkaba?

 

A expressão Merkaba é a junção de três palavras Mer-Ka-Bah que são palavras provenientes do Antigo Egito.

MER: foi compreendido na 18° disnatia do Egito (quando começa a surgir a visão monoteísta) e compreende-se como dois pontos de luz, contra-rotatórios (que giram em sentidos diferentes) girando num mesmo espaço.

KA: espírito individual de uma pessoa

BA: é o conceito de realidade que um ser tem na dimensão em que existe, no nosso caso, o corpo.

 

De forma bem resumida o Merkaba é um trabalho de geometria sagrada, onde formas geométricas específicas se movimentam possibilitando assim a comunicação entre-mundos/planos. Ou seja, alinha corpo, mente e espírito possibilitando a canalização de energias e informações vindas de planos mais sutis que o nosso pois eleva nossa frequência atômica, atuando também sobre as partículas de DNA.

 

De acordo com informações da Kabalah o Merkaba seria o Carro de Deus, onde o mago devidamente preparado poderia viajar entre mundos e também o veículo geométrico e sagrado por onde deus se manifestaria para os profetas. Desta forma este é o intrumento perfeito para elevação da consciência e materialização no nosso plano de energias e informações de outros planos de consciência, mais elevadas que a nossa.

 

Ativação do Merkabah (por João Sampaio)

 

O veículo desta ascensão poderia, então, começar a ser construído, em doze passos que iriram transformar completamente a natureza do homem-criança. Em amor ele foi dando cada passo e em amor recebeu e compreendeu cada lição.

 

 

Passo 1 – Âncora

(escolha do local do primeiro cristal)

 

Ele entendeu que nada está sob seu controle, apesar dele co-criar sua realidade, ele tem que viver no agora e todas as informações necessárias para sua vida está no agora.

 

Passo 2 – Crenças

(local de segundo cristal, onde só havia concreto, mas que, no local extato do ponto, havia um pequeno canteiro com uma árvore)

 

A partir de então, ele compreende que tudo aquilo que ele crê faz parte do que ele é, mas não é toda a verdade. Sempre haverá algo mais. E mesmo que ele pense que não há espaço para mais nada, sempre haverá um pequeno canteiro onde ele possa plantar sua semente.

 

Passo 3 – Densidade

(local do terceiro cristal)

 

No entanto, ele deve ter a consciência de que vive num plano denso e dual, e terá que lidar com estas energias e, muitas vezes, transmutá-las. O que não é uma tarefa fácil, mas necessária.

 

Passo 4 – Caminho

(local do quarto cristal, bem embaixo do Elevado do Joá, entre um túnel e outro. Aparentemente não tinha como chegar lá, mas, à medida que íamos caminhando, as possibilidades foram aparecendo e o caminho se tornou perfeitamente possível)

 

Como vive no agora, ele aprende que tudo aquilo que vem à frente, que é futuro, não é passível de preocupação. Mesmo que o caminho aparente ser impossível, no momento do agora ele se revelará totalmente possível.

 

Passo 5 – Guia

(local do quinto cristal, dentro de um condomínio de luxo. Não só conseguimos entrar, como tivemos a escolta de um segurança, que nos levou até o local exato para colocar o cristal)

 

Aprende também que ele não está sozinho. Quando tudo parecer confuso, sempre haverá um guia para lhe mostrar o caminho e lhe colocará no local certo, no momento certo.

 

Passo 6 – Espaço (Condomínio Itanhagá)

(local do sexto cristal, outro condomínio de luxo. De acordo com o GPS, o ponto poderia estar dentro de uma casa. Até vermos o local pessoalmente, que era um único terreno vazio no condomínio, com uma linda árvore nos esperando)

 

Da mesma forma que o tempo já não tem domínio sobre ele, o espaço também é irrelevante. Não importa onde ele esteja ou onde ele deverá estar. O local será o certo, mesmo que as probabilidades estejam todas contrárias.

 

Passo 7 – Proteção (Estrada das Canoas)

(Local do sétimo cristal, tivemos que descer uma ribanceira, sem trilha, em um terreno molhado e escorregadio. Não estávamos com roupas apropriadas. Mas, ao chegarmos ao local, nos deparamos com uma campo enorme de Comigo-Ninguém-Pode e, no meio do campo, uma linda esfera de obsidiana)

 

O perigo é ilusório, pois sempre estaremos sendo protegidos. E ainda podemos ser surpreendidos com boas surpresas.

 

Passo 8 – Providência

(Local do oitavo cristal, dentro do Golf Club. Conseguimos entrar, e tivemos um guia, que era o responsável pela área onde estava o ponto)

 

Por isso, ele aprendeu que não precisa se preocupar como chegar até onde quer chegar, basta caminhar, porque ele vive no agora, tem a ajuda de seus guias, está protegido e sempre chegará onde deve chegar.

 

Passo 9 – Multidimensões

(local do nono cristal, foi a experiência mais forte de todas, sentíamos a presença de milhares de seres, de diferentes frequências, algumas vezes víamos, o tempo todo ouvíamos, tivemos que vencer o medo para prosseguir e terminar o que tinha que ser feito)

 

Quando tem esta consciência, uma gama enorme se abre para ele. Não mais se limita a este mundo 3D, mas explode seus sentidos em conhecimento de outras realidades, experimentando muitas vezes o medo, por causa do desconhecido, mas sempre aprendendo e crescendo.

 

Passo 10 – Canto

(local do décimo cristal, assim que ele foi ativado, o lindo canto da nossa irmã Aline preencheu nossos corações, não coincidentemente, na trilha da Pedra Bonita, no mesmo local que tínhamos parado em outra ocasião para meditar)

 

A beleza disso tudo o invade, arrebatando o seu ser, levando-o a caminhar, falar, pensar diferente. Ouve o canto da vida. Nada é por acaso.

 

Passo 11 – Paz

(local do décimo primeiro cristal. Já no mar, uma tranquilidade imensa naquele mar tranquilo nos trouxe uma sensação ímpar ao ativar este penúltimo cristal. O vento no rosto, o som das águas, o calor do sol, tudo contribuía para aquele momento mágico)

 

Enfim o homem-criança encontra a paz, em águas tranquilas está ancorado e descansa em sua nova realidade.

 

Passo 12 – Mãe Divina

(enfim, o último cristal desencadeou em nós todas as emoções ao mesmo tempo, a lembrança de cada passo e a certeza da missão cumprida. O gigante estava pronto para se levantar)

 

 

Como um filho realizado, libertado, íntegro em seu ser, o homem-criança já tem o veículo para ascender às mais altas dimensões, sem medo, sem obstáculos, livre e ativado.

 

merkivah.jpg
PGaveaesfinge 1.jpg
10155730_631814026888072_8677530868605792949_n.jpg
154404_3213794519069_1890185463_n.jpg
merkk3.jpg
merkk2.jpg
merkk1.png
merkk.png
merkabah18.jpg

Telefones

 




 

Siga-me

 

  • facebook

© 2014 por Unidade AtivaCor 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

This site was designed with the
.com
website builder. Create your website today.
Start Now